terça-feira, 25 de novembro de 2008

Um Mês para o Natal!!!

Olá Meninas!!!


Estou um pouco triste com o desanimo de algumas..... e com o descaso com o desafio e o compromisso assumido por muitas; a um mês do natal, será que muitas resolveram chutar o pau da barraca e não mais investir em uma qualidade de vida melhor pra si; ou simplesmente já que as festividades de fim de ano estão chegando e isso não combina com R.A é melhor deixa-lá para retomar o ano que vem? será que vc está fazendo certo? será que é o melhor? melhor para quem? para quer?

Então lindinhas não desistam de vocês, não desistam de uma vida mais saudável..... afinal se pensarmos com a razão, festas, comemorações sempre vão existir........ estamos em um processo de reeducação alimentar ela não vai acabar com a chegada do natal ou do Carnaval, do verão ...... a R.A é para sempre .

Já atualizei a tabela e vejam, qual a razão da minha tristeza, e se eu não tenho razão para tal.


Tarefa da Semana

A Tarefa desta semana é em favor do nosso desafio.
Na lateral temos a lista das participantes, umas ativas outras nem tanto ou nada.

Photobucket
Vamos visitar nossas amigas e deixar uma mensagem de incentivo tanto para R.A como também para participar ativamente do nosso desafio.
Topão? então vamos lá.
Bjs.

segunda-feira, 24 de novembro de 2008

Porque você não emagrece ?

O Ponteiro da balança só desce quando as birras ficam de lado.........

Você vive de dieta, mas o ponteiro da balança parece conspirar contra você. Ele permanece estável, sem levar em consideração todo o esforço que você anda fazendo para manter a boca controlada. Antes de colocar toda a culpa em cima da balança e achar que tudo não passa de uma rixa pessoal, cheque a lista abaixo com 21 motivos que fazem você não emagrecer.

1-Esquecer de pôr fibras no cardápio.
As fibras estão relacionadas à maior saciedade. Ou seja, menos fibras é

igual a mais comida e, portanto, mais calorias. Cereais integrais, frutas, legumes e verduras respondem como boas fontes do nutriente. Provavelmente, uma alimentação carente nestes alimentos é composta por ingredientes mais calóricos, o que leva ao ganho de peso.

2- Repetir sempre o mesmo menu.
Pessoas que desejam emagrecer seguindo uma alimentação monótona
desistem mais fácil do projeto de emagrecimento , constata Roberta. Variar os tipos de alimentos, texturas e sabores é um dos segredos para perder peso com saúde.

3- Pular refeições.
Ao pular refeições, você só faz com que a fome se acumule. Fome acumulada pode significar descontrole e excesso alimentar em algum período do dia ,
Além disso, não realizar, pelo menos, cinco refeições por dia, faz com que a quantidade de nutrientes importantes para o corpo não seja fornecida adequadamente.


4- Estipular metas difíceis de serem atingidas.

Segundo a responsável pela equipe nutricional do Minha Vida , Roberta Stella, estabelecer metas de grande perda de peso, em pouco tempo, pode surtir efeito contrário e levar à desistência do projeto. Estabeleça pequenas metas durante o processo de emagrecimento. As vitórias ao longo do caminho servem como estímulo e mostram que é possível chegar ao peso desejado.


5- Beber pouca água Zero calorias e muitos
benefícios.
Mesmo assim, muita gente faz cara feia na hora de beber água (2 litros é a dose mínima por dia). Além de fundamental para se manter bem hidratado, o consumo de água durante o dia retarda a sinalização de fome. Portanto, ela está envolvida com a menor ingestão de alimentos, diminuindo as calorias diárias.


6- Comer depressa demais.

Quando você faz refeições rápidas demais não dá o tempo necessário para o cérebro entender que o estoque de alimentos foi reposto e que, portanto, você pode parar de comer. De acordo com Roberta Stella, é preciso reservar, pelo menos, 30 minutos para fazer as refeições. Ingira os alimentos calmamente, em um ambiente tranquilo, evitando comer na frente do computador ou da televisão .

7- Extrapolar na quantidade dos alimentos.
A moderação é mais um segredo para ver o ponteiro da balança descer. Ingerir uma quantidade de alimentos além da necessária leva ao excesso calórico que, por sua vez, resulta no ganho de peso.

8- Dar importância desmedida ao regime.

Focar toda a sua atenção à dieta, não é nada estimulante. Pensar no cardápio equilibrado a todo momento leva a uma sensação de privação e punição por ter adquirido os quilinhos extras. Veja positivamente sua mudança de hábitos alimentares. Quando menos esperar, o emagrecimento vai aparecer , incentiva a nutricionista.

9- Beliscar o tempo todo.
Beliscar o dia todo faz com que você perca a noção da quantidade de alimentos ingeridos , afirma Roberta. O melhor a fazer é estipular horários para pequenos lanches entre as refeições principais. Isso ajuda muito a evitar qualquer tipo de excesso , garante a especialista.

10- Dispensar legumes e verduras.

Fazer dieta, para você, é sinônimo de cortar calorias (a inclusão de alimentos saudáveis é só um adicional). Grande engano, já que legumes e verduras são indispensáveis na mesa. Além dos inúmeros nutrientes que oferecem, os vegetais são ricos em fibras e saciam sua fome mais rapidamente. Deixar de ingeri-los leva a um maior consumo de alimentos e calorias, prejudicando assim, o emagrecimento , conta a nutricionista.

11- Ignorar as informações dos rótulos.
As informações contidas nos rótulos dos alimentos são as melhores armas para os consumidores encherem o carrinho de compras saudáveis. Analisando as tabelas, dá para saber se a porção do alimento tem calorias excessivas, nutrientes importantes, ou ainda, se é rica em gorduras e açúcares.

12- Sofrer com a ansiedade pelos resultados.
Evite se pesar em diversos momentos do dia. A variação apontada pela balança é normal em diferentes horários e até em dias consecutivos. Essas mudanças, principalmente quando o ponteiro sobe, podem desanimar quem está de dieta , conta Roberta Stella, nutricionista . Por isso, pese-se somente a cada sete dias, com menos roupas possíveis, no mesmo horário e na mesma balança.

13- Cometer deslizes nos finais de semana.
Muitas pessoas fazem um pequeno deslize se transformar em início da desistência do projeto de emagrecimento. Para se prevenir, fuja de situações que incentivam o excesso. Caso já tenha extrapolado, volte à dieta logo em seguida, sem restrições exageradas para compensar as calorias a mais , ensina a especialista.

14- Não praticar exercícios.

Por aumentar o gasto calórico, as atividades físicas são excelentes meios para acelerar o emagrecimento. Outros pontos positivos dos exercícios é que eles diminuem a porcentagem de gordura corporal e aumentam a massa magra. Como os músculos queimam mais calorias, as atividades físicas ainda ajudam na manutenção do peso.


15- Ser fã dos chopinhos nas happy hours.

O típico encontro com os amigos após o expediente pode ser uma armadilha para quem quer emagrecer. Chope, batata frita, amendoim e salgadinhos esbanjam calorias e nunca faltam nas happy hours. Você não precisa deixar de sair com os amigos, mas proponha bares e restaurantes que oferecem opções de petiscos mais saudáveis.
16- Não substituir as frituras pelos grelhados.
Se você ainda não se convenceu de que precisa substituir os alimentos fritos pelos grelhados, aí vai uma boa causa: eles têm o dobro ou mais calorias que suas versões assadas ou feitas na chapa. Prefira sempre o grelhado , enfatiza a responsável pela equipe nutricional do Minha Vida.

17- Ceder aos doces.

Na lista de campeões em gorduras e açúcares, os doces certamente levam a um excesso calórico. O conselho da nutricionista Roberta Stella é resistir ao máximo. Se a vontade for muita, opte pelas menores porções.

18- Acreditar em dietas milagrosas.
Segundo Roberta, as dietas altamente restritivas são caminho certo para o abandono do plano de emagrecimento. Opte por uma dieta equilibrada que faça com que a redução de peso seja gradual, mas efetiva , aconselha.

19- Deixar de incluir lanches entre as refeições principais.
Deixar intervalos grandes entre um prato principal e outro faz você chegar faminto às refeições. Não fique mais que quatro horas sem se alimentar. Garanta isso fazendo pequenos lanches , diz a nutricionista.

20- Exagerar na determinação

Quando a vontade por alguma tentação aperta, você resiste bravamente. A atitude exemplar nem sempre é a mais ideal. Acumular vontade pode levar a um descontrole mais adiante , alerta Roberta Stella. Se a vontade de comer um doce for muito grande, por exemplo, coma um bombom ou uma barrinha pequena de chocolate. Assim, você evita comer a caixa de bombons inteira em algum outro momento.

21- Tomar refrigerantes

Roberta explica que as bebidas gaseificadas dão uma falsa sensação de saciedade. O que acontece é que, logo após uma refeição, você volta a sentir fome mais cedo e passa a beliscar. Para acompanhar as refeições, opte por um copo de água ou de suco natural.

http://minhavida.uol.com.br


sexta-feira, 21 de novembro de 2008

Anorexia, Bulimia, Obesidade e...

O que leva um jovem a ser obeso? Ou então, entrar na paranóia de se olhar no espelho e, mesmo magro, achar-se a pessoa mais gorda do mundo? Ou então, a comer guloseimas com alto teor calórico e, arrependido, vomitar tudo para não ficar acima do peso?
Muitas meninas e meninos, sim porque não é apenas um problema feminino, estão a sofrer sérias pressões da moda, dos pais, da mídia, etc, de que ser magro é um padrão para o sucesso...
Contudo, ao levarem tão ao extremo o desejo de seguir a moda, acabam por entrar num gravíssimo problema, doenças que os podem levar à morte...o pior é que eles não se apercebem... Entendamos então o que é:



ANOREXIA
É um distúrbio resultado de uma preocupação exagerada com o peso corporal, que pode levar a problemas psiquiátricos graves, e a sua incidência é mais proeminente no sexo feminino. Nestes casos, mais uma vez, a mente a pregar-nos partidas.
Ao olhar-se ao espelho, a pessoa vê-se de uma forma distorcida (vê gordura onde não existe), o que a leva a deixar praticamente de comer, isto é, apesar destas pessoas estarem extremamente magras, vêem-se obesas e usam roupas largas, e com medo de engordar ainda mais, jejuam e vomitam, usam laxantes e diuréticos.
As principais características deste distúrbio alimentar são a perda de peso sem causa médica aparente, redução da quantidade de alimentos ingeridos, têm comportamentos ritualizados à refeição (separam toda a comida no prato), não assumem a fome, tornam-se mais críticos e menos tolerantes, praticam exercício físico exageradamente, só comem produtos magros ou de baixo valor calórico, acham-se sempre gordos e possuem um extremo autocontrolo.
No entanto, este distúrbio tem graves consequências ao nível de saúde: problema cardíacos, hipotensão arterial, problemas renais, deterioração do tecido muscular, perda de massa óssea, falta de menstruação (nas mulheres), desnutrição, desidratação, fadiga, fraqueza e tonturas.

BULIMIA
A Bulimia é também um distúrbio alimentar muito grave, que normalmente aparece depois da anorexia, ou seja, a bulimia é resultante muitas vezes da anorexia. Esta consiste em não conseguir deixar de comer determinadas coisas, principalmente alimentos bastante calóricos, mas terem medo de engordar. Estas pessoas ingerem estes alimentos e vomitando-os logo a seguir, ficando com o desejo realizado. Outro caso, consiste em mulheres com têm um corpo escultural cuidando dele de forma obsessiva, que vivem em dieta constante e que, de repente, ingerem uma quantidade absurda de alimentos e depois vomitam tudo para evitar o aumento de peso, tomando também laxantes e diuréticos e praticando exercícios até ficarem extenuadas.
Assim, comem descontroladamente e punem-se a si mesmas obrigando-se a vomitar, usando laxantes, diuréticos e praticando exercício físico desenfreadamente.
As principais características deste distúrbio são apresentar desculpas para ir a casa de banho depois das refeições, grande variação de humor, inchaço anormal à volta dos maxilares, comem frequentemente de forma exagerada e compulsiva.
As consequências que existem em decorrência deste distúrbio são o desequilíbrio de fluidos corporais, dentes apodrecidos (consequência da provocação de vómitos), feridas na garganta e no estômago, dependência de laxantes, inchaço e infecção das glândulas salivares

OBESIDADE
Denomina-se obesidade o acúmulo excessivo de gordura corporal, associada a problemas de saúde, ou seja, que traz prejuízos à saúde do indivíduo. Como se desenvolve ou se adquire? Nas diversas etapas do seu desenvolvimento, o organismo humano é o resultado de diferentes interações entre o seu património genético (herdado pelos pais e familiares), o ambiente sócio-económico, cultural e educativo, e o seu ambiente individual e familiar. Assim, uma determinada pessoa apresenta diversas características peculiares que a distinguem, especialmente na sua saúde e nutrição.



VIGOREXIA
Provavelmente, nunca ouviu falar de Vigorexia, pois não é um assunto muito falado. Acontece mais aos homens, pois eles preocupam-se em ficar fortes a todo o custo. Mesmo quando passam horas e dias inteiros no ginásio e são bastante musculados, eles vêem-se magros e fracos. As pessoas que sofrem deste problema tÊm pensamentos obsessivos, e todos eles executam alguns rituais repetitivos diante do espelho, onde a sua mente lhes mostra uma imagem distorcida da realidade.
As principais características deste distúrbio são a vergonha do seu próprio corpo e a utilização de fórmulas “mágicas” para ficarem mais fortes (anabolizantes, esteroides, etc.). Estas pessoas são obcecadas com algumas partes dos seus corpos e passam imenso tempo à frente do espelho.
A Vigorexia tem consequências muito graves, como, a insónia, falta de apetite, problemas circulatórios, irritabilidade, redução dos níveis de testosterona, desinteresse sexual, fraqueza e cansaço constantes, dificuldade de concentração, problemas de fígado, problemas nos ossos e nas articulações devido ao peso excessivo no treino.

Publicada por Destino-Emagrecer - http://destino-emagrecer.blogspot.com/

Beijos!!



segunda-feira, 17 de novembro de 2008

Mude JÁ!

VOCÊ DESEJA MUDAR, entretanto sente-se acorrentada à sua rotina? Talvez você esteja interessada em voltar a estudar, namorar novamente ou mesmo trabalhar por uma causa na qual acredita; seu interesse pode ser em se aprofundar numa vida espiritual ou em expandir seu círculo de amizades. Num momento de frustração, você pode se perguntar: “Qual o problema comigo? Por que não consigo dar o primeiro passo?”

Bem, não seja tão dura consigo mesma. Uma hora ou outra todos nós somos pegos pela teia da acomodação (tendemos a deixar as coisas no seu estado atual)... ficamos acomodados num ponto em que as coisas não estão ruins – apenas não estão muito boas, no qual nos sentimos seguros – apenas não muito motivados. Pode ser que uma vez você tenha se sentido bem ao optar pelo caminho aparentemente mais cômodo, mas agora é como se estivesse assistindo a vida passar. Isso acontece! Quando uma voz interior sussurra: “A vida pode ser mais do que isso,” seu instinto pioneiro fica tentado a seguir em frente. Aproveite isso e mergulhe de cabeça.

Descubra o poder de um
“empurrãozinho do bem”
quando chega a hora
de uma mudança

Um estímulo pessoal. Sabe aquele tipo de “empurrãozinho” que você precisou para saltar do trampolim mais alto quando tinha 10 anos, para disputar uma partida com um grupo novo de conhecidos ou para se decidir por um emprego melhor em outro estado? Bem, esse estímulo pode vir na forma de uma chamada alerta (um divórcio, uma perda) ou vir de uma oportunidade inesperada (uma herança, uma oferta de trabalho), que reduzem seus medos e facilitam sua mudança. Contudo, você não precisa ficar esperando pelo destino.

Crie seu próprio “empurrãozinho”

Aqui estão algumas dicas para você movimentar sua vida – na direção do que é melhor para você.

Aproxime-se da calma: sente-se em silêncio, respire fundo algumas vezes e pergunte-se: “O que eu realmente quero?” Depois de 10 minutos ou mais, encare seu trabalho. Suas idéias estarão mais claras e você conseguirá ver as coisas sob uma perspectiva diferente.

Sonhe em detalhes: descreva claramente uma mudança que você gostaria de ver concretizada. Visualize a mudança, coloque no papel, converse sobre ela e, o mais importante, imagine como se sentirá quando “chegar lá.”

Crie uma lista de ônus/bônus: identifique possíveis “sacrifícios” e recompensas potenciais para realizar suas mudanças; além disso, inclua como você se sentirá caso obtenha sucesso e se nem ao menos tentar.

Faça uma avaliação realista: como seria se seus maiores receios realmente acontecessem? Como você classificaria cada “barreira” comparada a outros desafios que já superou? Menores, iguais ou maiores?

Detone seus bloqueios: escolha dois dos seus maiores sacrifícios e ache o que pode ser feito para eliminar ou reduzir seus impactos.

Encha o tanque: considere o que você precisará para manter-se em movimento. Apoio de um amigo, informação, treinamento, rede de segurança, fortalecimento da fé?

Fale consigo mesma... amigavelmente: diga apenas coisas que você diria para um bom amigo. “Você ficará bem.” Você é capaz.” “Vai valer a pena o esforço.” “Vá em frente.”

Uma vida gratificante não se constrói desejando, olhando ou pretendendo. Ela salta, fruto de esforço contínuo – daqueles que vão até o fim! Quando seu coração diz que é hora de mudanças, mas você ainda não se sente pronta para pular... dê a si mesma um “empurrãozinho” positivo. Mergulhe!

Psicóloga, PHD, Suzanne Zoglio é
palestrante nacional (EUA) e autora
dos livros Recharge in Minutes e
Create a Life That Tickles Your Soul.
(Fonte: Diane – The Curves Magazine)




sexta-feira, 14 de novembro de 2008

Seja Feliz! Acredite........ você pode!

Olá meninas!!

Lindas deixei uma enquete para ser votada, e o resultado foi que: eu desse mais uma chance as que não estavam colaborando com o desafio de ficar; mais só concordei por que já estamos no fim do ano e não quero mais me contrariar e também para dá aquela ajuda para quem deixou tudo para ultima hora. Fica entendido assim no próximo não tem colher de chá;

Estava eu a pensar como as coisas tendem a mudar com o nosso processo de emagrecimento; começamos a enxergar o mundo que sempre esteve em nossa volta, mais que não queríamos ver, ou porque mesmo "Não Podíamos" mais agora meninas " Nós Podemos".

São coisas simples como tirar aquela foto em família, aquela que fazíamos questão de ficar bem lá no fundo para não aparecer, se dá o luxo de comprar uma lingeri mais sex......... e outras coisa que agora estão ao nosso alcance; acredite nós somos capazes de muito mais, só basta acreditar,

~ Ser Decidido ~

A atitude decidida nos convida a abandonar a condição passiva de ficar apenas "desejando", dando-nos um impulso para a ação.
O desejo pode ser passivo e nos separa do que queremos criar.
A vontade é o que nos impulsiona a agir e a escolher uma única alternativa, deixando momentaneamente de lado todas as outras.
Desse modo, possibilitamos que a energia volte a fluir.
Experimentar conscientemente um ato de vontade é dar expressão à capacidade de autodeterminação que carregamos na Alma.
Este talvez seja um momento de deixar de ser passivo e tomar uma decisão importante.

Pratique hoje uma atitude decidida:
"Querer é poder" - Quem sabe você está querendo parar um hábito que já não lhe faz bem.
Use a sua força de vontade para fazer afirmações positivas e construtivas para a sua vida.
Seja pró-ativo; reações negativas e automáticas drenam a sua vitalidade.
Presenteie a sua "criança interior" com algo de que ela gosta muito.
Seja Feliz.

Bem, o final de semana está na porta, vamos dá continuidade a nossa R.A;
Bjs.


Dicas e cuidados com lingeries



Elas são peças delicadas, que precisam ser guardadas e lavadas da maneira correta para terem boa durabilidade

Por Rebeca de Moraes | Fotos divulgação e Victor Almeida (Higi Calcinha)

Na hora de lavar

As calcinhas e sutiãs com bojo devem ser lavados à mão, com sabão neutro, de coco ou algum que seja específico para roupas delicadas. Faça isso com água fria ou, no máximo, morna. Mas fique atenta: peças com renda e com bojo precisam de cuidados especiais. "Elas não devem ser lavadas à máquina nem atritadas com outras peças para que não corram o risco de se desfazer", explica a sócio-proprietária e coordenadora de estilo da Jogê, Ângela Coelho da Fonseca. Depois de secadas à sombra, ela recomenda passar com ferro as calcinhas de algodão para que fiquem com melhor aparência.



Lavadora Eggo Brastemp
Desenvolvida especialmente para lavar lingerie, roupa de praia e de bebê.






Lave calcinha DeMillus
Detergente neutro para
roupas delicadas.

Higi calcinha Blowjet
Sabão cremoso para lavar roupas íntimas.


Porta-lingerie Utilplast
Cápsulas que protegem os sutiãs na hora de lavar à máquina.

Para guardar

As calcinhas devem ser dobradas e empilhadas, para que ocupem pouco espaço no seu guarda-roupa. Os sutiãs sem bojo podem ser armazenados da mesma maneira, porém, aqueles com enchimento precisam de maiores cuidados. "Recomendo que sejam guardados abertos dentro da gaveta, encaixados um após o outro. Assim a visualização fica fácil e não há perigo de que os bojos fiquem com estrias. Nas malas de viagem, o ideal é que fiquem em porta-sutiãs", explica Patrícia Castellões, consultora da área de lingerie do Senac Moda Informação, de São Paulo.

Porta-sutiã Elegance
Protege as peças dentro de malas ou no armário. Pode armazenar
até cinco peças.


Porta-calcinha Elegance
Para transportar as calcinhas
em bolsas de viagem. Guarda
até seis peças.

Organizador TokStok
Para ser colocado dentro da gaveta, separando roupas íntimas e pequenos objetos.

Lingeries para todos os gostos

Das básicas e esportivas, feitas de algodão e ideais para o dia-a-dia, até as mais sofisticadas, com detalhes de rendas e bordados delicados, existem opções de modelos para todas as ocasiões

Fotos Carlos Bessa | Consultoria Patrícia Castellões e Paula Acioli

Nadador
O decote esportivo nas costas é o queridinho da temporada. Lisos, estampados ou com detalhes aplicados, podem ser usados com vestidos e blusas que tenham abertura nas costas e em ocasiões de descontração.
Listras
É uma tendência vinda da moda que chega às lingeries de algodão, em especial sutiãs e calcinhas de modelagens largas e confortáveis para o dia. Se não quiser exagerar, escolha linhas de cores claras e alças de um só tom.
Bichos
Zebra e onça são as principais atrações nesse estilo. Ousadas e sensuais, elas surgem em caleçons e sutiãs grandes. Caso prefira modelos menores, aposte na mistura com estampas delicadas para dar um toque elegante.
Florais
A mais feminina das estampas predomina em modelos sem costura, com flores grandes e espalhadas por toda a peça. Para combinações mais atuais, use o desenho só na parte de cima e com uma calcinha lisa combinando.
Rendas
Elas aparecem recortadas e aplicadas no bojo e em alças, como detalhes localizados ou em toda a lingerie. Românticas, essas peças podem ter acabamento de fitas e bordados. Destaque para os tons de vinho e coral.
Básicas
Feitas de algodão ou microfibra, elas têm as cores da estação: lilás, verde, amarela e rosa. Os diferenciais são as aplicações pequenas e localizadas e as diversas modelagens de sutiã, como o triângulo e o tomara-que-caia.
Estampas
Ao misturar cores fortes, elas ganham destaque e podem dar um charme a mais às suas produções informais. Deixe um pedacinho delas à mostra através de cavas larguinhas, decotes, regatas ou vestidos sem mangas.
http://www.dzai.com.br

quarta-feira, 12 de novembro de 2008

segunda-feira, 10 de novembro de 2008

A Importância do Exercicio Fisico

Olá Meninas!!

Nos posteres anteriores vimos dicas de emagrecimento, o certo e errado das dietas, hoje vamos ver a importância do exercício no emagrecimento.
Tarefa da Semana
http://mel-melica.blogspot.com/2007_08_01_archive.html
Escolha uma atividade física que se adequa melhor a sua rotina, e procure ou melhor se esforce para fazê-la pelo menos durante está semana, e veja como você vai se sentir melhor e quem sabe você continua;

Exercite-se e veja a sua
vida mudar... Para melhor!

"Ter um estilo de vida saudável implica fazer exercício físico regularmente, o que garante muitos benefícios para a saúde: reduz o risco de doenças e o stress, melhora a resistência e a flexibilidade e fomenta o seu bem-estar geral.

Além disso, a actividade física é o melhor aliado da alimentação equilibrada para o auxiliar a manter a forma, porque ajuda a controlar o peso e a queimar muitas das calorias que ingere em cada refeição.

O ideal é fazer exercício regularmente, no mínimo, 3 vezes por semana. Faça uma actividade mais moderada, se for apenas para manter a forma, ou mais intensa, se for para compensar algum excesso calórico que cometeu numa refeição.

Tudo isto você já sabe. O que provavelmente não sabe é que não tem obrigatoriamente de treinar horas a fio. Correr, ir ao ginásio, andar a pé ou nadar, seja qual for a actividade escolhida, o importante é que seja praticada de forma regular e que lhe proporcione prazer e bem-estar para que possa complementar e reforçar os resultados obtidos com o seu Plano."



Durante toda a nossa vivência, as vantagens físicas e psicológicas do exercício físico são demasiado importantes e não podem ser esquecidas, ou seja:

- A atividade física ajuda a controlar o peso e a composição corporal.

- De forma preventiva, atenua as dores nas costas, promove uma melhor postura e uma melhor adaptação às alterações da coluna vertebral.

- Contribui para melhorar a circulação sanguínea, especialmente ao nível do retorno venoso. Impedirá o aparecimento de varizes e derrames nos membros inferiores.

- Aumenta significativamente os níveis de resistência física.

- O fortalecimento do “soalho pélvico” (musculatura do períneo), em especial na gravidez, é de extrema importância na medida em que é um poderoso meio de protecção para o feto e de prevenção para a incontinência urinária. Além disso, a nível geral, contribui também para melhorar a função intestinal, vesicular e sexual.

- Do ponto de vista psicológico, os efeitos da actividade física são bastante importantes. Promove segurança, confiança e elevada auto-estima.

- O exercício físico regular tem um efeito anti-depressivo. Reduz o estado de ansiedade, diminui o stress e melhora a autoconfiança.

Mitos do exercício físico

O exercício físico só funciona quando sentimos dor no dia seguinte? FALSO

A dor durante e após o exercício nunca é sinal de eficiência, mas sim de que os limites estão a ser ultrapassados. Para sedentários, é natural que, após as primeiras sessões de exercícios, sintam dores decorrentes de da prática do exercício físico. Mas as dores diminuem à medida que a condição física melhora.

Fazer abdominais “queima” a gordura na barriga? FALSO

Não existe ‘‘queima’’ de gordura localizada. Para que a gordura seja metabolizada (expressão correcta) durante o exercício físico, é preciso praticar exercícios aeróbicos - de baixa intensidade e longa duração (como caminhar, andar de bicicleta, etc.). Com eles, a gordura é metabolizada de forma generalizada e não numa região específica. Os abdominais não tiram barriga, apenas a enrijecem.

Fazer exercícios com agasalhos e plásticos enrolados no corpo ajuda a emagrecer? FALSO

Essa mentira é bastante arriscada e pode trazer sérios danos para a saúde do praticante. Ela causa perda exagerada de água e pode desidratá-lo. É importante destacar que suor não indica emagrecimento, mas simplesmente perda de água no organismo.
Não se deve beber água durante os exercícios? FALSO

Quando praticamos exercícios, perdemos água e electrólitos (sais minerais, como sódio). Repor a água perdida é fundamental para a manutenção do organismo e qualidade do exercício. Portanto, beba água antes, durante e depois do exercício.

Praticar desporto é a melhor forma de emagrecer? FALSO

A prática de exercícios físicos é muito importante nos programas de emagrecimento. Mas a melhor forma de perder peso é associá-la a uma mudança de hábitos alimentares. Dessa forma, actua-se no balanço energético diminuindo a ingestão de calorias e aumentando o seu gasto

Praticar deporto em jejum emagrece? FALSO

O emagrecimento depende das reservas de hidratos de carbono do organismo, que diminuem quando estamos em jejum. Assim, exercício físico em jejum causa a diminuição da massa muscular e não da gordura.

A musculação engorda? FALSO

Ao contrário do que muita gente pensa, a musculação também pode ser utilizada para o emagrecimento. Ela promove gasto energético não só durante o exercício, mas também após, em função do aumento da taxa metabólica dos praticantes. Nos programas de hipertrofia (em que há grande ganho de massa muscular), o atleta aumenta de peso, mas tornam-se mais magros - por terem menos gordura no organismo.

A natação é o desporto mais completo que existe? FALSO

Não existe desporto 100% completo. A modalidade deve ser escolhida de acordo com os objectivos e necessidades de cada um. Para pessoas que sofrem de alguns desvios posturas, a natação pode ser prejudicial, quando existem descompensações musculares e uma incorrecta técnica de natação.

Quanto mais exercício físico, melhor? FALSO

A prática de exercício físico é importante, mas o organismo precisa de repouso adequado para obter benefícios desta prática. É importante que os limites sejam respeitados e que haja um período de recuperação.

Fazer o exercício durante pouco tempo e poucas vezes é o mesmo que não fazer nada? FALSO
Esta ideia errada é responsável pelo abandono da actividade física por muitas pessoas e por evitar que outras iniciem a sua prática. Hoje em dia sabe-se que o importante é aumentar a realização de actividade física para além daquilo que se faz habitualmente, até se conseguir atingir os objectivos pretendidos.
Qualquer acção que se tome para aumentar a actividade física vai ajudar e “conta”. O importante é começar...



Quanto maior for o exercício físico, mais calorias são gastas.
Veja alguns exemplos das Kcal gastas, em média, no exercício físico:


exercícios campeões para “torrar” calorias

Veja o ranking, escolha o seu favorito e “caminhe” rumo à boa forma:


Rankings Benefício

Corrida

Não há dúvidas: o pódio ainda é dela.
Com uma hora de corrida gasta-se 900 calorias.
melhoria cardiovascular.
Andar de bicicleta Sair a pedalar pelas ruas durante 1 hora gasta 840 calorias. melhoria cardiovascular.
Ténis Trata-se de um desporto completo: é necessário ter muita força e muito fôlego para jogar ténis. Mas tanto esforço é bem recompensado com o gasto de 800 calorias numa partida de uma hora. melhora a coordenação motora, fortalece os músculos (principalmente dos braços) e aumenta a agilidade
Futebol Temos um argumento imbatível para continuar jogar futebol: uma hora de um bom jogo consome 780 calorias! fortalece as pernas e melhora o condicionamento físico
Boxe Coloque as luvas e vamos ao ringue. A treinar boxe, queima até 660 calorias e ainda define os braços. Músculos dos braços muito bem torneados
Musculação Pode ser em casa ou no ginásio. Para cada hora de treino, perde, em média, 720 calorias. Melhora a resistência articular e muscular, fortalece os ossos e ainda acelera a queima de calorias.
Remar Uma hora de braços a remar para lá e para cá “queimam” 600 calorias. melhora o condicionamento cardíaco e muscular, define todo o peitoral e os braços.
Natação Uma hora “queima” 540 calorias. trabalha todos os músculos e melhora a condição física
Basquetebol Não precisa ser nenhum craque da NBA, mas dar uma corridinha para um e outro lado do campo e tentar colocar a bola no cesto pode fazer perder 480 calorias. trabalha braços e pernas, praticamente na mesma proporção, além de desenvolver a melhoria da condição física.
Voleibol Uma hora a praticar Voleibol elimina 420 calorias. braços e abdominais definidos.

Dicas para gastar energia sem ir ao ginásio


Se não tiver disponibilidade para ir ao ginásio, … Saiba que andar, subir as escadas, ir às compras, fazer a limpeza da casa, também fazem bem ao corpo.

Sabia que:

- Passar a ferro – 69 kcal durante 30 minutos
- Limpar o pó – 75 kcal durante 30 minutos
- Caminhar – 99 kcal durante 30 minutos
- Aspirar – 105 kcal durante 30 minutos
- Subir escadas – 100 Kcal durante 10 minutos

Aproveite para no dia a dia para ter uma vida mais activa.


Bons Conselhos

Depois do exercício


Exercícios de alongamentos
- O músculo deve ser mantido numa posição estática durante 20 a 30 segundos, realizando-se 1 a 3 repetições.
- É necessário conseguir um relaxamento completo e voluntário do músculo que está a ser alongado.
- O movimento deve ser realizado até a uma posição em que se sinta um mínimo de desconforto. Se por acaso sentir dor intensa, a posição deve ser relaxada para evitar micro-lesões na musculatura.
- A respiração deve ser lenta e natural.
- Deve alongar-se sempre os músculos que foram utilizados na actividade física.
- Devem ser escolhidas posições seguras de alongamento, que preservem um bom alinhamento postural.
Antes, durante e depois do exercício


hidratação

O que beber

Água - Apesar de a água fornecer fluidos essenciais para o funcionamento do corpo, estudos recentes demonstram que pessoas activas e atletas apenas repõem metade dos fluidos perdidos durante o exercício físico, quando optam por beber água.
Bebidas desportivas - Possuem electrólitos, incluindo sódio e potássio, que repõem o que se perdeu através do suor. Estudos demonstram que os atletas e desportistas bebem necessariamente mais, se se tratar de uma bebida aromática do que água. Consequentemente estarão melhor hidratadas. As bebidas desportivas contêm hidratos de carbono, que fortalecem os músculos (reposição do glicogénio muscular) e ajudam a resistir à fadiga. Procure uma bebida desportiva com 6% de hidratos de carbono (14g por 240ml), o nível óptimo para reabastecer o corpo em actividade.

Conselhos adicionais sobre hidratação
Quando estiver activo, não confie na sua sede.
- Com o corpo quente e suado, o seu mecanismo da sede pode “desligar-se” cedo demais, enganando-o e levando-o a acreditar que não necessita de mais líquidos.

http://www.vivabem.pt

quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Reeducação alimentar sem mistério..........

Olá meninas!!

Como vão todas? já está terminando a semana, se vc foi bem durante a mesma,continue no fim de semana..... o nosso objetivo não é só emagrecer para o natal ou para qualquer outra ocasião, ele se foca no emagrecimento duradouro e definitivo.

Mais uma vez o poster de hoje, mostra coisas que já sabemos mais que não custa relebra; agora sim estamos pronta, com todas as informações de que precisamos.

Vamos a luta ela é por uma boa causa.


Ao invés de fechar a boca , abra a sua mente.

A melhor garantia para perder peso sem que ele volte é mudar os hábitos alimentares.

O que caracteriza a reeducação alimentar

São várias atitudes e escolhas que compõem os hábitos alimentares saudáveis e estes muitas vezes são tão simples que acabam gerando certa desconfiança, pois as pessoas estão acostumadas com dietas proibitivas e quando se deparam com uma orientação onde você pode comer de tudo, desde que com moderação, atento à freqüência e à quantidade dos alimentos, acham que não dará certo.

É freqüente ouvirmos a pergunta se um determinado alimento engorda ou não e a resposta muitas vezes não agrada quem a fez, pois é importante que se aprenda que tudo dependerá de quanto e com que freqüência se come um alimento muito calórico. Muitas vezes ao proibir alguém de comer um chocolate, por exemplo, estamos aguçando justamente sua vontade para esse alimento.O ideal é ensinar quanto ou como proceder para comer uma determinada quantidade desse alimento.

Veja a seguir algumas atitudes básicas que caracterizam a reeducação alimentar e que podem ser aplicadas na sua alimentação diária:

Comer mais vezes e em menor quantidade

O ideal é comer várias vezes, entre 5 e 6 refeições ao dia. Desta forma você manterá seu corpo nutrido o dia todo evitando os períodos de jejum, no qual ocorre uma redução na glicemia (taxa de açúcar no sangue) e também uma redução no metabolismo visando poupar energia para o período sem alimento, além de evitar aumento da fome, que possivelmente será descontado na próxima refeição.

Procure fazer as três refeições principais, intercaladas com frutas ou pequenos lanches.

A composição dessas refeições dependerá de seu objetivo: manutenção, ganho ou perda de peso e também de uma avaliação de sua composição corporal e um nutricionista poderá adequá-la ao seu caso.

Comer frutas diariamente

As frutas são alimentos ricos em vitaminas e fibras, apresentam poucas calorias e também já está comprovado que o consumo de três frutas ao dia tem ação na redução do risco de cânceres.

Por serem práticas, as frutas podem ser consumidas em qualquer local, facilitando a incorporação deste novo hábito por todas as pessoas.

Uma dúvida muito comum é com relação a algumas frutas que têm a "fama" de engordarem, como é o caso da banana, mas tudo dependerá do quanto de banana será ingerido, pois uma banana pequena tem as mesmas calorias que uma maça.

Comer verduras e legumes diariamente

É freqüente as pessoas comerem saladas cruas e vegetais refogados somente quando "estão de dieta" e é aí que está o grande erro, pois os vegetais são alimentos ricos em vitaminas, em tipos e quantidades diferentes e são ricos em fibras que estimulam a saciedade e melhoram o funcionamento intestinal, além de várias substâncias que têm sido estudas atualmente, por trazerem a redução do risco de alguns problemas de saúde.

Não é necessário comer só vegetais, mas estes devem fazer parte do cardápio diário juntamente com os demais alimentos, compondo uma alimentação balanceada.

Coma verduras e legumes diariamente, varie a forma de preparo e se não gosta de algum tipo, não há problemas, use outro. Temos a vantagem de morar em um país onde o clima tropical favorece a produção de uma variedade imensa deste grupo de alimentos, por essa razão, deixar de comer vegetais porque não gosta de determinado tipo de verdura não vale. Experimente!

Evitar as frituras e alimentos gordurosos.

É muito importante usar pouco óleo no preparo dos alimentos. Se você cozinha, ao virar o frasco de óleo sobre a panela, não cubra todo o fundo desta para refogar o tempero.

Uma frase comum para justificar o grande consumo de óleo nas preparações é que a comida brilhante é mais saborosas, mas esta prática é muito prejudicial à saúde, pois este ingrediente é usado em todo as preparações e é altamente calórico - 1 g de óleo= 9 calorias, independente de ser óleo de soja, canola ou azeite (neste caso o que varia é a qualidade).

Use pouco óleo e abuse dos temperos como alho, cebola, ervas aromáticas em geral, sua comida ficará muito mais saborosa , além de saudável. Já as frituras enganam bastante gente. Saiba que todo alimento frito absorve muito óleo, mesmo as que ficam "sequinhas".

Evite também os frios e embutidos como presunto, salame, mortadela, queijos amarelos (quanto mais amarelo o queijo, mais gordura ele tem), bacon, salsichas, lingüiças, etc.). Estes alimentos são riquíssimos em gordura e principalmente em colesterol.

Retire toda a gordura visível das carnes e também a pele do frango antes de seu preparo e dê preferência aos grelhados, assados e cozidos.

Não exclua as massas.

Pode parecer estranha esta recomendação, mas é muito comum as pessoas tirarem as massas em geral (pães, arroz, batata, macarrão, etc.) de suas refeições achando que assim estão fazendo algo muito bom para seus organismo.

Em uma alimentação balanceada os carboidratos, como é chamado este grupo de alimentos, devem corresponder a pelo menos 55% do total de calorias que ingerimos, por isso não deve ser excluído. Eles fornecem energia, atuam na regulação do metabolismo basal (gasto interno do nosso corpo com as funções vitais) fazendo com que organismo não economize calorias e trabalhe normalmente. Além do mais, massas em geral já fazem faz parte da alimentação básica de todo brasileiro. Fique atento aos acompanhamentos deste grupo: molhos gordurosos, cremes, maioneses, etc. estes sim é que aumentam as calorias devido a presença das gorduras em grande quantidade.

Carnes com moderação

Existe um conceito errado de que alimentação saudável é aquela rica em carnes. A quantidade de carne que devemos comer é bem menor que a média consumida. O ideal é uma porção diária de no máximo 80g, dando preferência para as carnes brancas e magras.

Não se preocupe com a carência de proteína, pois a alimentação do brasileiro é normalmente rica em proteínas.

Beber bastante água

Quem não tem sede, pode passar o dia todo sem ao menos se lembrar da água, por isso é importante deixá-la sempre à vista e ir bebendo um pouco por vez até que este hábito seja incorporado ao dia a dia.

Um forma de facilitar a incorporação deste hábito é deixar uma garrafa de água na mesa do escritório ou sobre a pia, ou em um lugar que você passe com freqüência e ao se lembrar dela beba um pouco, você perceberá que em pouco tempo passará a sentir necessidade de beber água.

Faça um bom café da manhã.

"Deixar de fazer o café da manhã para dormir mais um pouquinho", quem nunca fez isso que atire a primeira pedra! Porém quando se exclui diariamente ou com muita freqüência o café da manhã, estamos dificultando o trabalho do nosso organismo. Durante o sono nosso metabolismo é reduzido pois o corpo está descansando e não há atividade desgastante, ao realizar uma refeição completa pela manhã, estamos estimulando o aumento do metabolismo e fornecendo energia para que o organismo possa desenvolver da melhor forma possível todas as atividades que temos ao longo do dia.

Somente um cafezinho preto não resolve!

Esta refeição deve ser composta de cereais integrais ou pães, frutas ou sucos de frutas, leite ou seus derivados.


O ambiente das refeições

Comer assistindo TV ou realizando outra atividade concomitantemente faz com que não se tenha percepção do quanto se está comendo o que leva a um consumo maior que o habitual.

Pare para pensar: você já pegou um pacote de bolacha ou um pote de pipoca e foi assistir um filme ou a um jogo de futebol na tv e quando se deu conta havia comido tudo? Isso é mais comum do que você pensa, por isso procure sentar-se à mesa para comer, o ambiente deve ser tranqüilo e de preferência coma vagarosamente, descansando os talheres sobre a mesa entre um bocado e outro. Faça este teste e perceba que você necessitará de uma porção menor para se sentir saciado.

Concluindo, a reeducação alimentar envolve pequenas mudanças no dia a dia, mas que a longo prazo trazem muitos benefícios à saúde. Estes hábitos devem ser aplicados por toda a vida e não somente quando se deseja emagrecer, para que assim, o peso seja mantido.

Você pode perguntar onde entram na reeducação alimentar as pizzas, lanches, festas, bolos, entres outros. Como já foi citado, posso dizer que estes alimentos não são proibidos, mas devem ser consumidos com moderação e com baixa freqüência. Não há necessidade de privação, mas bom senso e conscientização de que o problema está no quanto se come e com que freqüência.

Analise sua alimentação como é hoje, veja se precisa melhorar algo e comece agora mesmo. Não se preocupe se houver falhas e esquecimentos, pois isto com certeza ocorrerá, afinal hábitos não são mudados de um dia para outro. Seja persistente e tenha em mente os benefícios que terá com essas mudanças. Se for preciso anote tudo que come por alguns dias e com esses dados veja o que faltou, o que esteve em excesso e comece a modificar sua alimentação.

Lembre-se que a alimentação saudável é fundamental para se ter qualidade vida!

E Viva a RA

Bjs!

segunda-feira, 3 de novembro de 2008

" Em forma para o Natal!!"

Olá Meninas!!

Hoje esta começando mais uma fase do nosso desafio, que é chegar "em forma até o Natal", mais acima de tudo com "saúde";


Como 1ª Tarefa desta fase: é ler este poster e guarda bem o seu conteúdo, pois ele é de um valor muito grande para todas, sei que muitas vão dizer á eu já sei disso. Mas o que custa saber mais um pouquinho? ou até mesmo reforçar o que já sabemos!
Lembrando
As tarefas desta fase vão ter uma influência direta no seu sucesso!



Quero Emagrecer




Você sabe que está com "uns quilinhos a mais", que o verão está chegando e que é preciso emagrecer. Começa a pensar no assunto e conclui: "quero emagrecer!"

Como dizem nossos pais e avós, falar é fácil. Você acha que precisa emagrecer, quer emagracer, mas e agora, o que fazer?
Preciso Emagrecer... E Agora?

Antes de mais nada, é preciso reservar uma boa dose de força de vontade. Se você já tentou emagrecer, sabe disso: o principal obstáculo é manter o entusiasmo alto e o rigor nos métodos de como perder peso.

Abastecido de vontade, é hora de consultar um médico e/ou nutricionista para montar a dieta ideal para seu IMC (ver Cálculo de IMC), sua estatura etc. e, principalmente, para seu objetivo final.

Neste ponto, muitos questionam a real necessidade de um especialista na montagem de uma dieta. Obviamente, uma mudança para hábitos alimentares mais saudáveis, mesmo que voluntariamente, é sempre importante. Se você tem uma alimentação desbalanceada e opta por uma reeducação alimentar, consumindo alimentos mais saudáveis, frutas, vegetais, fibras etc., sua escolha certamente é acertada. No entanto, somente um especialista poderá definir a dieta ideal ajudá-lo a atingir seus objetivos de forma mais segura.
Como Perder Peso de Forma Fácil... e Ganhar Tudo de Novo!

Não estamos falando aqui de dietas para perder peso conforme normalmente se fala — as tais dieta da lua, dieta de Marte ou de qualquer outro planeta do sistema solar. Deve-se ter muito cuidado com estas soluções milagrosas pois, como sabemos, não se emagrece milagrosamente.

Estas formas alternativas de como perder peso normalmente dão resultado com muito esforço, muitas vezes utilizando métodos sacrificantes, o que (como sabemos) acaba tornando todo o processo mais difícil. O resultado costuma ser o abandono do método com consequente aumento de peso — uma armadilha para quem sabe que é preciso emagrecer e precisa se manter "na linha" do seu programa de emagrecimento..
Eu Quero Emagrecer sem Fazer Exercícios
Atividades físicas são fundamentais para o corpo humano. Além do efeito na perda de peso, elas causam bem-estar, melhoram a auto-estima, dentre inúmeros outros benefícios.

Encare isso de frente: exercitar os corpo deve ser a parte principal de seu programa para perder peso. Certamente é possível emagrecer mantendo o cardápio mas fazendo exercícios físicos, mas é praticamente impossível emagrecer sem se mexer.

Isso não significa que você precisa de transformar em um atleta de uma hora para outra. Existem enumeras formas de se exercitar de forma moderada mas que ajudam quem sabe que é preciso emagrecer. Se você dispõe de tempo, uma caminhada ao ar livre ou hidroginástica são boas pedidas.

Se você não dispõe de tempo e/ou espaço, existem outras alternativas, tais quais aparelhos abdominais, ou mesmo os controversos aparelhos de ginástica passiva.

Não esqueça, no entanto, de consultar um médico antes de iniciar qualquer atividade física!
É Preciso Emagrecer... Com Saúde e Segurança

Pois bem, que fique o recado que perder peso não é fácil mais perfeitamente possível. Principalmente perder pese com saúde e segurança.

para quem tomou a decisão de que é preciso emagrecer, os parágrafos e páginas relacionadas acima dão uma boa ideia dos primeiros passos do processo de como perder peso.

Como Emagrecer Rápido
Emagrecer rapidamente é um desejo presente na lista de todo mundo que não foi agraciado com aquele corpinho perfeito. Dicas e receitas de como emagrecer rápido são criadas todos os dias. Mas será que este ideal moderno é alcançável?

É possível emagrecer rapidamente com saúde e segurança?
Emagrecer Rapidamente - Depende!

O acumulo de gorduras, e outros fatores que levam ao excesso de peso, é um processo lento. Ninguém engorda de uma hora para outra. O IMC pessoal (ver Cálculo de IMC) vai variando no tempo de forma gradual, sem saltos.

O emagrecimento segue o mesmo processo. Perde-se peso de forma gradual. Portanto, "emagrecer rapidamente" é função dos hábitos alimentares da pessoa, e do nível de atividade física praticado.

Pergunte a qualquer um sobre como emagrecer rápido e, provavelmente, a resposta será outra pergunta: rápido quanto?

Portanto, emagrecer rapidamente é um objetivo relativo. Ele deve ser tomado em função da disposição de mudança de hábitos que se está disposto(a) a assumir.

Note que em "emagrecer rapidamente" subentende-se que se deseja emagrecer com saúde e segurança. Portanto, saiba que não existem soluções mirabolantes. Promessas do tipo "como emagrecer em 1 semana", "como emagrecer rapidamente em 3 dias" devem ser encaradas com suspeita pois podem se mostrar um perigo para sua saúde.

Somente um programa de emagrecimento elaborado por especialistas, com prazos realistas e, claro, com força de vontade de sua parte, são caminhos seguros para emagrecer — emagrecer rapidamente no seu ritmo!
Dicas de Como Emagrecer Rápido

Como visto acima, emagrecer rapidamente é um conceito relativo. No entanto, com acompanhamento e dedicação é possível emagrecer em um ritmo ideal para seu corpo e, assim, obter aquele perfil desejado.

Abaixo seguem algumas dicas para ajudá-lo(a) a manter-se dentro de seu programa de emagrecimento e emagrecer rapidamente em seu ritmo.

* Força de vontade — você não vai muito longe sem ela. Mantenha-se focado em seu objetivo e vá até o fim.
* Olho na programação — mantenha-se dentro de seu programa de emagrecimento. Evite concessões em demasia.

* Perseverança — não desista. Os caminhos para emagrecer rapidamente são duros e as tentações são grandes, mas somente com perseverança você superará estes obstáculos.
* Conheça seus limites — emagrecer rapidamente é emagrecer no seu ritmo, e ele pode não ser igual ao que você espera ou quer. Seja compreensivo com seu corpo.
* Força de vontade — não custa lembrar!

Como Emagrecer Rápido - Conclusão

Esperamos que as dicas acima o auxiliem em sua jornada para perder peso. Como vimos, emagrecer rapidamente depende mais de você mesmo do que de fatores externos e, além disso, não existem soluções mágicas sobre como emagrecer rápido. Os métodos tradicionais para emagrecer, preferencialmente acompanhados por médicos, profissionais de educação física etc. são o melhor caminho para ajudá-lo(a) a emagrecer rapidamente — no tempo exato para seu corpo!
http://como-emagrecer.com
Boa sorte!
Bjs!


 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios